Postagens

Mostrando postagens de 2011

NOAM CHOMSKY E A MANIPULAÇÃO DAS MASSAS ATRAVÉS DA MÍDIA

Imagem
O filósofo, lingüista e ativista político, Noam Chomsky, grande expoente da intelectualidade de esquerda nos EUA, elaborou um lista de 10 estratégias de manipulação da mídia. Nela Chomsky apresenta dez princípios pelos quais aqueles que utilizam a mídia se pautam para manipular as massas. O artigo a seguir tem sido exposto em diversos sites e blogs, principalmente de cunho esquerdista, no entanto, sua máxima é universal a ponto de ser algo necessário a todos que possuam um senso crítico. 1- A ESTRATÉGIA DA DISTRAÇÃO. O elemento primordial do controle social é a estratégia da distração que consiste em desviar a atenção do público dos problemas importantes e das mudanças decididas pelas elites políticas e econômicas, mediante a técnica do dilúvio ou inundações de contínuas distrações e de informações insignificantes. A estratégia da distração é igualmente indispensável para impedir ao público de interessar-se pelos conhecimentos essenciais, na área da ciência, da economia, da psicologia,…

DISCUTINDO AS REDES SOCIAIS E O JORNALISMO NA INTERNET*

Imagem
Uma das discussões que tem feito falta no jornalismo atualmente é o debate a respeito de como as redes sociais podem contribuir e atuar junto aos veículos jornalísticos. Muito se fala com relação à ação dessas redes na produção de informações noticiosas de forma colaborativa, mas pouco com relação à otimização da participação nas redes sociais pelo jornalistas e veículos. É com a ideia de proporcionar um pouco de discussão a respeito desta questão que escrevi esse texto. Mas comecemos do princípio. Mas o que são as redes  sociais? Inicialmente, é preciso entender que as redes sociais são diferentes dos sites de redes sociais e que estes não são todos iguais. Isso significa que o Orkut, por exemplo, possui redes sociais (que são as pessoas, os atores e instituições sociais) que utilizam o sistema como forma de se expressar. Assim, o Orkut é apenas uma ferramenta e não uma rede social. Além disso, as pesquisas têm mostrado que os sites de redes sociais no Brasil não são usados da mesma fo…

O JORNALISMO NO SÉCULO XXI

Imagem
Uma pergunta recorrente nas rodas de profissionais de comunicação é “que jornalismo precisamos para o século XXI?” Existem muitas divergências sobre o papel do jornalismo, mas o olhar sob o ponto de vista histórico mostra que a informação transformada em notícia, o fato desvendado em reportagem e a opinião estampada nas páginas dos jornais tem um papel determinante nas transformações que as sociedades vivem ao longo das décadas. Os meios se transformam, se modernizam, ganham agilidade e capacidade de mostrar a notícia em todo esplendor, com cores, movimentos, sons e textos. Mas, por trás da notícia está um conceito, ou melhor, uma profissão, o jornalismo. O desenvolvimento de uma sociedade está intimamente ligado à qualidade do jornalismo que ela produz, que ela lê, que ela financia. Nestes últimos dias de 2010 foi manchete na Folha de S. Paulo que o governo pulverizou sua verba de publicidade entre 8,094 veículos de comunicação, contra apenas 499 privilegiados que recebiam toda a publ…